Molho Barbecue: o que é, de onde vem e por que você deve comer

31 de julho de 2017
|

Nos últimos tempos muitas marcas de molhos lançaram um tipo diferente de condimento, que vem conquistando cada vez mais os brasileiros: o barbecue. A palavra inglesa significa churrasco e, como é de se imaginar, vem dos tradicionais churrascos norteamericanos.

Em alguns locais dos Estados Unidos o churrasco é considerado quase uma religião e são comuns concursos para definir o melhor churrasqueiro, título que leva a filas que duram horas nas churrascarias mais famosas. Temos, inclusive, um brasileiro que é membro e juiz da Kansas City Barbeque Society (KCBS) – entidade que realiza o maior campeonato de churrasco do mundo nos EUA – Daniel Lee.

E, com a profissionalização do ato de assar carne, surgiram novos procedimentos, novas preparações e claro, molhos deliciosos para acompanhá-los. 

Feito a partir de inúmeras receitas diferentes, o molho barbecue pode acompanhar variadas carnes e métodos de culinária. A maioria envolve alguns ingredientes básicos  que incluem tomate, vinagre, edulcorantes (geralmente açúcar mascavo ou melaço), mostarda e até maionese. Outros sabores, geralmente específicos da sua área de origem, podem incluir gotas de carne, fumaça líquida, molho inglês, uísque, pimentão, ervas e especiarias. Existem muitas filosofias sobre a mecânica do molho, mas o tomate e o vinagre são frequentemente usados em conjunto.

Os molhos à base de tomate são os mais populares – o fruto dá corpo e é uma boa tela para criar sabor e complexidade. Nos EUA, a variedade se dá, principalmente, pelo estado que consome, de acordo com a origem e hábitos de seus moradores. Por exemplo, no Kansas, o molho barbecue é muito espesso, doce e às vezes picante. De cor escura, geralmente é adoçado com melaço ou açúcar mascavo e em camadas com sabores sem fim.

Outra misturas conhecidas como Memphis Style são menos espessos do que o Kansas, sendo mais picantes e um pouco doces. O molho de estilo St. Louis é à base de tomate e vinagre, ligeiramente picante e menos doce do que Kansas City. 

Surpreendentemente, o molho também existe na variedade white, que, consumido no Alabama, tem a base de maionese e uso voltado ao frango. O black, ainda traz como base o molho inglês e açúcar mascavo. Nas Carolinas do Norte e Sul, pelo alto consumo de mostarda pela comunidade negra, o condimento costuma ser feito com esta base ou vinagre,na variedade yellow. 

Segundo nosso mestre pimenteiro, Chincho Cabrón, o molho que conhecemos como barbecue no Brasil se aproxima muito do estilo Kansas City, trazendo em sua composição tomate, catchup, melaço, açúcar mascavo e defumação líquida. Com uma receita diferenciada, o molho barbecue da De Cabrón, chamado de BBQ (variedade do nome, utilizada comumente nos EUA), traz em sua base o sriracha, um molho tailanês de pimenta japalapeño e alho, levemente picante e defumado. É o casamento perfeito entre o sriracha e o barbecue! Pode crer que vai curtir, chame os amigos! Dica: coma com carnes bovinas defumadas em geral e aves, tanto na preparação, como finalização.

É possível criar molhos barbecue caseiros, com uma variação incrível de ingredientes,  confira uma receita simples:

INGREDIENTES

2 colheres sopa azeite de oliva

1 cebola ralada

2 colheres de sopa açúcar mascavo

2 colheres sopa mostarda

2 colheres de sopa molho inglês

1 colher de sopa vinagre

1 xícara de chá de molho de tomate

sal e molho de pimenta à gosto

 MODO DE PREPARO

Em uma panela, aqueça o azeite, refogue a cebola e acrescente restante dos ingredientes.

Deixe ferver ate encorpar e depois tire do fogo.

Prontinho!

Fonte da receita: GSHOW

E você, como curte o molho barbecue? Conta pra gente! Se você quer aprender como se prepara o brisquet, a carne de churrasco do momento, confira aqui. Você também pode tomar deliciosos drinks com pimenta ou impressionar seus amigos com receitas fáceis.

© COPYRIGHT | DE CABRÓN CHILLIS. Material protegido pela Lei nº 9.610 (direito autoral), é proibida a cópia ou reprodução do material, sem autorização prévia. Envie para sac@westco.com.br com pedido de autorização.